Floresta

FLORESTA2

O setor florestal brasileiro é caracterizado pela diversidade de produtos finais para os segmentos industriais de Papel e Celulose, Painéis de Madeira Industrializada, Madeira Processada Mecanicamente, Siderurgia a Carvão Vegetal e Biomassa.

O Brasil apresenta excelentes condições para a produção florestal, tanto que possui um dos maiores índices de produtividade em comparação com outros países do mundo, o que confere importante diferencial à indústria nacional.

A produção desse setor é majoritariamente de celulose de fibra curta, que utiliza o eucalipto como matéria-prima, o que representa vantagem competitiva por essa ser a melhor opção para a produção de papéis para imprimir e escrever, além de possibilitar outros usos, tais como  papel higiênico, toalha e guardanapo. Já a produção de celulose de fibra longa, produzida por meio de pínus,  é utilizada na produção de embalagens, papelão e jornais impressos.

Para contribuir com a produtividade da indústria florestal, a Dow AgroSciences está desenvolvendo um portfólio completo de herbicidas para o controle de plantas daninhas nesse segmento. 

placeholder image